O que é Saúde Mental para você? ja se perguntou?

de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) assegurou que não existe nenhuma definição oficial que diga respeito à saúde mental, já que esta é sempre influenciada pelas diferenças culturais e pela subjectividade.

Mas podemos definir da senguinte maneira saúde mental é definida como sendo o estado de equilíbrio entre uma pessoa e o seu meio sociocultural. Este estado garante ao indivíduo a sua participação laboral, intelectual e social para alcançar um bem-estar e alguma qualidade de vida. Ainda que o conceito de saúde mental surja por analogia à saúde física, trata de fenómenos mais complexos.

Em todo o caso, pode-se dizer que a saúde mental é um estado de bem-estar emocional e psicológico, mediante o qual o indivíduo é capaz de fazer uso das suas habilidades emocionais e cognitivas, funções sociais e de responder às solicitações ordinárias da vida quotidiana.

Convém destacar que a ausência de uma doença mental não implica que o indivíduo goze de boa saúde mental. O acompanhamento do comportamento diário de uma pessoa é a melhor forma de conhecer o estado da sua saúde mental.

Também há que ter em conta que a saúde mental não é uma dimensão que se possa dissociar da saúde física, tal como nos relembra a famosa expressão latina “mens sana in corpore sano” (uma mente sã num corpo são). Existem evidentes ligações entre as patologias mentais e as biológicas.

Os psicólogos defendem que a saúde mental deve ser promovida a nível individual (com a motivação dos recursos próprios da pessoa através de estímulos na auto-estima), a nível comunitário (com uma coesa inclusão social) e a nível oficial (com planos estatais e o acesso à saúde pública).

Do ponto de vista da psicologia positiva, corrente moderna que centra seu foco mais na questão da sanidade mental do que nas doenças psíquicas, a saúde da mente pode aliar o dom de um ser para avaliar a existência e a busca da harmonia entre as ações e as diligências necessárias a fim de se alcançar o que se entende por resiliência psicológica – a capacidade de transcender traumas e restituir as boas condições emocionais.

Se o Homem se revela hábil na gestão da própria existência e conduz positivamente suas diferentes emoções no interior de um vasto prisma de instabilidades, sem se deixar dominar por desvarios e fantasias, ele pode ser considerado mentalmente saudável. Mas o principal fator de determinação da sanidade mental é o nível de bem-estar, não só com o eu interior, mas também com os outros seres.

O bem-estar implica em admitir as adversidades da existência, aprender a trabalhar as emoções positivas e igualmente as negativas – alegrias, tristezas, tranquilidade, raiva, frustrações, entre outras -, bem como em conhecer as próprias limitações e, quando julgar necessário, pedir socorro a outrem.

Alguns elementos são fundamentais para que se possa identificar a presença da saúde mental em um determinado ser ou em uma dada comunidade. Dentre eles estão as ações positivas que o Homem pode direcionar para si mesmo; a evolução, o aprimoramento e a realização pessoal; a adaptação ao meio e as reações emocionais; independência e autodeterminação; recepção mais seletiva do real; conhecimento do contexto em que se vive e aptidão para uma melhor convivência na sociedade.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s